maio 02, 2016

O que faz parte do seu show?

Arte, filosofia e sustentabilidade combinam?

Imagem: arquivo pessoal de Florderico

Combinam sim e fazem parte do show de um amigo que vive esse arranjo. Ele estuda Filosofia, dança e trabalha com materiais recicláveis transformando-os em peças únicas: broches, luminárias, colares, bolsas e até bambolês. Também promove oficinas desse tipo de trabalho e quando está nas ruas de Ouro Preto expondo suas peças convida a todos a bambolear... De crianças a adultos sem distinção de gêneros.

Imagem: bamboleando - arquivo pessoal de Florderico

Já bamboleou alguma vez na vida?

Imagem: todos bamboleam - arquivo pessoal de Florderico

Veja outras produções de Florderico.

Imagem: luminárias - arquivo pessoal de Florderico
Imagem: máscaras - arquivo pessoal de Florderico
Imagem: broches customizados - arquivo pessoal de Florderico
Imagem: broches - arquivo pessoal de Florderico
Imagem: broches - arquivo pessoal de Florderico
Imagem: dançar também faz parte do seu show - arquivo pessoal de Florderico
Imagem: dançar também faz parte do seu show - arquivo pessoal de Florderico
Imagem: jogo de cintura - arquivo pessoal de Florderico

A Felicidade para Florderico é estar perto de quem se ama, fazer o que se gosta e lutar por um mundo mais justo.

Por que resolveu trabalhar com luminárias, broches e bambolês (reciclados) e qual o diferencial em sua arte...

Florderico:

"Hoje em dia, é muito difícil dizer o que é ou não é arte.  Acho que o trabalho que faço pode ser nomeado de arte popular, é um tipo de arte que advém do povo, pois é transmitida de geração em geração. Aprendi algumas técnicas artesanais com uma amiga, outras com uma tia, outras apenas observando os artesões trabalhando. Minha arte feita à mão, que é o significa a palavra artesanato, é uma mistura de todas essas técnicas que aprendi com os artistas que cruzei pelo caminho.

O diferencial do trabalho artesanal a partir de resíduos recicláveis é que o objeto não é uma mercadoria como qualquer outra, ele tem um tipo diferente de valor, pois é um objeto que surge a partir de uma mudança na percepção. A reciclagem proporciona uma transformação nas duas direções, tanto do lado do sujeito como do lado do objeto. Ao reciclar o sujeito transforma as coisas e a sua própria percepção das coisas, e altera também a percepção dos outros, que nunca imaginariam que aquela coisa poderia ser feita com algo que para a maioria das pessoas  não passava de lixo.  Daí então se começa a olhar para o lixo com outros olhos.  Isso significa que não é só o lixo material que é reciclado, mas também as velhas ideias e crenças que tenho sobre o mundo, uma vez que a minha percepção do mundo mudou.  Esse trabalho é o resultado de uma reflexão sobre como agir de modo a impactar as vidas dos outros de maneira objetiva e positiva, incluindo os animais e as plantas, tais reflexões surgem apoiadas nos encontros com o mundo."

Para contatar Florderico pelo Facebook clique aqui

Ou pelo e-mail: fredgaio@yahoo.com.br


Mais posts da Amanda você lê aqui.


--
Amanda estuda Filosofia e mora em Ouro Preto – MG. Lança no mundo um olhar contemplativo e é por isso que gosta trocar informações e curiosidades sobre tudo o que admira e experimenta. Acredita que as perguntas movem o mundo e o conhecimento pode ser um remédio para a alma. Escrever no Caderno de Perguntas é uma forma de passar um pouco da sua bagagem adiante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leave your comments here.